Rio Grande do Sul tem maior queda enquanto economia paranaense é líder nacional

Os dados divulgados pelo Banco Central, mostram que a economia brasileira apresentou retração de 0,28% no ano, associada à queda de 5,9% no mês de março. Este cenário reflete o impacto econômico das medidas de isolamento adotadas em alguns estados.


Entre os treze estados avaliados, cinco apresentaram variação negativa no ano, sendo eles: Ceará (-0,04%), Santa Catarina (-0,11%), Minas Gerais (-0,68%), Espírito Santo (-2,53%) e Rio Grande do Sul (-3,35%). O estado gaúcho assume a 13ª posição, apresentando a maior queda entre os estados.


Mais uma vez, o estado do Paraná foi o que mais cresceu no ano, liderando o ranking nacional com aumento de 5,19%. Santa Catarina aparece ocupando a 10ª posição, desacelerando a economia catarinense em 0,11%.


Das três economias sulistas, somente o Paraná apresentou desempenho positivo nos rendimentos de todas as comparações, considerando os ajustes sazonais.



Fonte: Banco Central do Brasil.

Posts recentes

Ver tudo